quinta-feira, 30 de julho de 2009

Primeira postagem: Poesia de minha autoria

"Tudo e nada"
O amor é tudo e nada
É fonte de alegria e tristeza
Sentimento inexplicável de ambiguidade
Quando se menos espera acontece
E termina na mais inesperada lágrima
De dois olhares dizendo adeus
De dois olhares marejado em lágrimas
Pela dor da partida
O amor é tudo apesar de tudo
Indefinível
É a eterna busca
Da imperfeição
By: Pedro Marques



Devo dizer que é um atrevimento tentar definir o amor. Mas como nós também somos cheio de imperfeições e isto é algo que deva ser comemorado, não tenho a pretensão de chegar a um conceito de amor com esse poema. Apenas queria dar a minha visão dele. As visões parciais de um ser humano de 19 anos que não tem quase nenhuma experiência ampla com amores de verdade, apesar de secretamente(não mais secretamente) apaixonado.

Como essa é a primeira postagem devo me apresentar: Sou Pedro Guilherme Marques, como dito acima, tenho 19 anos, moro em São Paulo e estudo Jornalismo no Mackenzie. Com esse blog pretendo, com alguns poemas e textos corridos, retratar aspectos de minha vida e temas em geral.

6 comentários:

  1. Você escreve mal viu sr Pedro ?! Quando crescer, quero escrever assim que nem você =P

    ResponderExcluir
  2. Obrigado gente.. de vdd

    ResponderExcluir
  3. oooonw *-*
    Pe todo foofo :D

    ResponderExcluir
  4. Jééééeh .RJ :D2 de agosto de 2009 18:22

    Mas olha eleeee..todo romaâââântico *_* não sabia dessas suas qualidades poesisticas para escrever heeein Pedro,parabéns, suas palavras são muito bonitas XD

    ResponderExcluir